London Calling: Clapham Junction e Battersea

 Quando viajei para Londres em dezembro de 2008 fiquei hospedada na casa do meu primo (que agora mora em Berlim) no bairro de Clapham Junction. Nunca tinha ouvido falar nesse bairro e foi amor a primeira vista.

casa do meu primo

(casa do meu primo)

ONDE FICA?

Do aeroporto fomos para lá, primeiro pegamos um ônibus até a estação ferroviária de Feltham e de lá o trem que nos deixou em Clapham Junction , quando saí da estação e comecei a caminhar pela St. John’s Hill, Lavender Hill, St John’s road e Northcote road, sentia muito frio, porque não estava devidamente agasalhada, então andava em passos largos com minha pesada mais mala vinho, batendo os dentes e quase correndo… Porém, não deixei de sentir o cheiro daquele local, minha primeira visão de Londres! O clima natalino imperava forte, a decoração nas lojas, nas árvores, nos pubs, o cheiro de flores, pinheiro e frio.

Todo dia que saía de casa era assim: aquele cheiro peculiar de Clapham Junction, perfume de flores, cipreste, misturado com o gélido ar e um leve tempero de comida indiana. Na rua via-se muitas mulheres com carrinhos de bebê, engraçado que vi bem pouco no resto da cidade, mas ali parecia ser 50% das pessoas na rua: Mulheres com carrinho de bebês fazendo compras. Na Northcote rd tinha uma feira, aquele aroma de flores não vinha do nada! Todos compravam suas árvores naturais de Natal. Com um ótimo comercio de rua com boas lojas e mercados, além de vários pubs e bares. Adorava beber minha pint no Falcon!

(essa foto gracinha eu tirei com zoom da janela da casa do meu primo)

Lá não tem metrô, somente trem. Além das linhas de ônibus. E obviamente isso não é um problema, Clapham Junction está próximo de tudo, com fácil integração. Fica a duas estações de da grande estação de London Victoria, e também da estação de Waterloo.

Pertinho de Clapham Junction temos Battersea, e o que tem de legal em Battersea? Bem se você é um fã de música não tem como deixar de ver a Battersea Power Station. Por quê? Não, não é uma fábrica qualquer

Reconhecem?

O mágico é que eu via a Battersea Power Station todos os dias nas rapidérrimas viagens de trem de Clapham Junction à Victoria, via pela janela do trem, a estação Battersea Park é antes de chegar em Clapham Junction, vindo de Victoria. Lá de Battersea Park podemos ver a “fábrica do Pink Floyd”. Para um grande fã da banda inglesa como eu, vê-la surgir no habitual caminho de trem diário, é uma experiência mágica.

O gostoso de ter ficado em Clapham Junction foi justamente a magia do cotidiano, é estar em um bairro residencial, não turístico, mas mesmo assim perto de todas as coisas legais da cidade. O Natal foi muito mais Natal, e sempre vou lembrar do Quarteirão do Mc Donald de lá que era o mais gostoso de todos os lugares que comi! E de comprar aquelas compotas de morango maravilhosas no mercado Summerfield voltando para casa, e tomar uma pint no Falcon. Estabeleci uma rotina agradável com o bairro. Até hoje lembro muito bem daquele cheiro, do frio que fazia o vento encanado nas esquinas das ruas.

Anúncios

3 comentários sobre “London Calling: Clapham Junction e Battersea

  1. Olá, Anna, vi o seu comentário no blog da MeL e vim aqui conferir o post que falou sobre as suas fotos em Londres e adorei!

    Seu blog é muito lindo e bem escrito e a edição das fotos ficou um encanto….a dica para que tem android é maravilhosa! Parabéns!:)

    Beijinhos no coração

Hey, comentários fazem blogueiros felizes! (Deixe um comentário aqui)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s